Tele-entrega pela internet deve crescer nos próximos anos.

O e-commerce está mudando bastante a área de tele-entrega. Como tudo que vira tendência por aqui, a utilização de serviços online para realizar o pedido da tele-entrega já é muito forte nos EUA. Atualmente 15% das compras de delivery são feitas através da internet e dispositivos móveis.

Apesar de existir algumas empresas que já trabalham com este formato, principalmente nos grandes centros e capitais, ainda falta isso se tornar algo comum para os consumidores. Se poucas empresas oferecem, menos pessoas ainda tentam utilizar. Segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), o setor de delivery cresceu 13% de 2011 para 2012 e deve continuar em largo crescimento pelos próximos anos.

Enquanto no EUA cerca de 15% dos pedidos vem da internet & mobile, no Brasil este número chega a quase 2%, com tendências para crescimento rápido nos próximos anos. O setor é impulsionado por iniciativas como o iFood e RestauranteWeb, serviço que ajuda empresas a oferecerem a possibilidade de fazer o pedido através da web & mobile.

Serviços como o iFood e RestauranteWeb ajudam empresas a oferecer delivery online

Serviços como o iFood e RestauranteWeb ajudam empresas a oferecer delivery online

A verdade é que o acesso a um sistema de pagamento simples esta cada vez mais fácil, mesmo para pequenas empresas. Serviços como o PagSeguro e Paypal são muito acessíveis e podem ser facilmente integrados com sites criados em plataformas simples, como um e-commerce criado em WordPress.

Trazendo o relato de um consumidor (eu mesmo), é muito mais fácil realizar o pedido de compra através do site do que ter que utilizar o telefone e ter que pagar com dinheiro ou cartão de crédito. Se você vai ter que acessar o site – ou aplicativo – para ver o cardápio, porque não fazer a compra por ali também? Sem contar que acaba com a necessidade do uso da máquina de cartão de crédito wireless, que devido a falta de estrutura de uma internet móvel adequada, sofre com velocidades baixas e acaba tendo alguns erros ao longo do processo.

Resumindo, espero que as pessoas que trabalham com empresas de delivery vejam estes estudos e sigam esta tendência. Lembre-se de sempre ter foco em facilitar a vida do seu cliente.

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail