Marketing Digital para o Endomarketing

Não se engane pensando que estratégias de marketing servem apenas para atingir o consumidor que esta no mercado alvo. O endomarketing, marketing voltado a parte interna das empresas, também deve se beneficiar de estratégias do marketing digital para ter mais resultados.

Existem várias formas de uma empresa utilizar ferramentas digitais para melhorar a qualidade do seu trabalho interno, torná-lo mais fácil e gerenciar de forma mais eficaz a equipe. Segue uma lista de algumas ferramentas do marketing digital que podem colaborar com o endomarketing de qualquer empresa.

Rede social interna:

Quando falamos de redes sociais devemos lembrar que não existe apenas Orkut e Facebook. O número de redes sociais está crescendo, principalmente graças as redes segmentadas, que crescem devido a facilidade com que você consegue criar uma rede social através do Ning, por exemplo. E com tantas redes sociais segmentadas, porque a sua empresa não pode ser mais uma? Sua empresa pode ter uma rede social segmentada, focado apenas no trabalho interno da empresa.

O uso de redes sociais internas vem se tornando um modo barato para os funcionários se comunicarem e integrarem, com isso surge a possibilidade de produzirem mais, além de reduzir diversos custos com ligações. Ferramentas como o Ning abrem a possibilidade de qualquer um a manter a sua própria rede social interna, sem ter muito trabalho para isto.

Com um sistema semelhante ao de outras redes sociais, como o Orkut, o Ning oferece a possibilidade de os usuários interagirem um com os outros, criarem grupos e fóruns, abrindo espaço para que os próprios funcionários criem seus espaços e discutam assuntos de trabalho em um mesmo local, de forma centralizada. Este estratégia é fundamental para casos como de projetos administrados por grandes equipes onde há um grande número de pessoas envolvidas em um mesmo trabalho.

Ainda há a possibilidade de a empresa tornar pública a sua rede social, abrindo um canal muito forte de relacionamento com seus consumidores e incentivando a discussão em torno do seu serviço/produto. O fato de a maioria dessas redes possibilitarem a criação de grupos privados mostra que é possível haver uma rede social que serve para uso interno e externo. Uma rede social administrada pela empresa pode também agregar pessoas ligadas à empresa através de outras empresas, podendo ser utilizada como uma ferramenta de comunicação B2B.

Marketing Digital dentro do EndoMarketing

Blog corporativo interno:

Blogs corporativos são uma importante ferramenta para aquelas empresas que procuram na web um novo canal de relacionamento direto com consumidores, oferecendo espaço para esta interação e deixando o consumidor mais próximo dos assunto das empresa.

A estratégia de uso do blog corporativo interno pode ser uma ótima alternativa de manter os funcionários por dentro de projetos, sempre integrado com os acontecimentos da empresa e economizando o uso de painéis com cartazes ou aquelas imensas lista de e-mails que nem sempre são bem recebidas. Uma equipe que esta sempre por dentro dos projetos da empresa pode ajudar, dando sua opinião e sugestões em projetos de outras áreas, colaborando com o projeto e com a empresa.

Blog de setor:

Seguindo a mesma estratégia do blog corporativo interno, mas em casos de muito fluxo de conteúdo ou em empresas muito grande, pode haver um blog para cada setor. Em grandes empresas, muitas vezes, os funcionários são divididos por setores que por sua vez são divididos por projetos. Funcionários de um mesmo setor podem acrescentar muito ao projeto da outra equipe e a melhor forma de incentivar essa interação é abrindo um blog interno para fim de integrar as equipes que trabalhem com a mesma coisa em projetos diferentes.

E-mail marketing:

Umas das formas mais tradicionais de se trabalhar endomarketing de forma digital, mas infelizmente ainda é mal utilizada. O e-mail interno pode ser usado com objetivo parecido aos das ferramentas apresentadas aqui anteriormente, mas o seu uso deve ser controlado para evitar que prejudique a produtividade ou que se torne uma mensagem que não é bem recebida.

O envio excessivo destes e-mails pode ser prejudicial ao rendimento dos trabalhos e por isso deve ser usado com cautela, o funcionário vai parar para ler todas as mensagem ou vai simplesmente acabar deletando todas sem ler. A melhor forma de ter um bom aproveitamento destes e-mails é que eles contenham informação qualificada e direcionada. O excesso de e-mails pode desencorajar os funcionários a lerem todas as mensagens e assim diminui a eficácia destes recados. Mesmo dentro de uma empresa é importante identificar o público-alvo (os funcionários) e saber qual a melhor forma de atingi-los, segmentando em grupos, etc. Uma mensagem bem direcionada e com informação otimizada melhora a chance de uma boa recepção, fazendo com que a mensagem tenha mais efeito.

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail