5 dicas para lidar com buzz negativo

5 dicas para concertar buzz negativoUm tempo atrás saiu um post sobre o buzz negativo, aquele problema que vem através de palavras e vídeos na internet e atinge diversas empresas. Lembre-se de sempre evitar problema, seja transparente, não tente enganar ninguém nem pense que os internautas são bobos, isso vai evitar maiores problemas.

Algumas vezes o buzz negativo não é culpa da empresa e mesmo que seja, sempre há um bom caminho para utilizar. Confira algumas dicas do que se pode fazer para tentar resolver esses problemas:

  1. 1. Entenda o que aconteceu, porque aconteceu, como começou;
  2. 2. Assuma o problema seja transparente e crescido o suficiente para admitir o problema, ou pelo menos admita estar ciente da existência dele;
  3. 3. Planeje como vai resolver esse problema, se será necessário mudanças em seu produto/serviço, mudanças administrativas,mudanças de marca, etc;
  4. 4. Ponha seu plano em prática, mas lembre-se, você está lidando com pessoas, deve fazer o possível para resolver os problemas delas e compensá-las por ter tido eventuais problemas que tenham partido de algum produto/serviço oferecido por você;
  5. 5. Ações de resposta, quando são boas e rápidas, podem recuperar o que foi perdido com o buzz negativo.

Neste mundo tão orgânico, é complicado definir respostas sólidas que vão resolver todos os problemas, mas estes são 5 passos que em geral é o mais indicado. Algumas observações que podemos colocar por fora dessa lista é o que acontece também, de as reclamações serem errôneas e neste caso a melhor forma de resolver seria mostrar que o que estão falando não é a verdade, mas evitando causar intrigas para não acabar com problema causando outro.

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail