Muitas dicas para produção de conteúdo para marcas (ou “branded content”).

Em tempos de mídias sociais a frase “conteúdo é rei” já martelou tanto que até encheu o saco. Goste você ou não, a frase está aí para explicar uma premissa básica da internet, você não vai para frente se não tiver conteúdo.

A cultura de compartilhar que se fortalece com a internet cresce envolta não apenas do conteúdo de qualidade, mas do conteúdo bem contextualizado. Sites de fofocas fazem muito sucesso, não são exatamente “conteúdo de qualidade”, mas ainda são bons conteúdos para diversos contextos e públicos.

Quem trabalha na parte de mídias sociais deve saber da importância de coletar, produzir e trabalhar com curadoria de conteúdo. Hoje em dia tem muita gente produzindo, como vou fazer algo diferente ou que seja tão bom quanto?

Nesta parte entra bastante o “branded content“, uma forma de divulgação que vem chamando bastante atenção em tempos de internet onde os formatos tradicionais de publicidade começam a demostrar desempenhos questionáveis.

O que exatamente é “Branded Content“?

Por definição, branded content é uma for ma de publicidade que consiste na integração do que é promocional, a publicidade propriamente dita, com a diversão, o entretenimento, fazendo com que a mensagem da marca torne-se muito mais agradável e consequentemente natural e contextualizada com o universo do público-alvo
Boo-Box

Bom, para lhe tirar essas e outras dúvidas eu deixo aqui a indicação do ebook “Guia de Produção de Conteúdo” do pessoal da Boo-Box. E sim, é o link do “Pay with a Tweet” deles porque merece ser compartilhado 🙂

Neste ebook você encontra muitas dicas para trabalhar com blogs, mas também com Twitter, Facebook, Pinterest e Google+.

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail