Fan Page, Twitter, conta no Youtube e Google+ Pages. Meu Deus! Como eu vou usar tudo isto?

Um caminho natural e até previsível é que empresas, com ampla presença dentro das mídias sociais, criem contas em todas as ferramentas que apareçam e estão na moda.

Empresas de menor porte tentam acompanhar, mas quase sempre acabam focando em algumas delas.

Um exemplo prático é a Pepsi, uma das principais marcas de refrigerante do mundo e que tem uma presença digital bem ativa. Em sua fan page no Facebook ela tem quase 7 milhões de fãs, no seu perfil oficial do Twitter, pouco mais de 500,000 seguidores e agora no Google+ eles foram circulados cerca de 21 mil vezes. Além de um canal no Youtube e um Tumblr.

Podemos notar que a presença digital da Pepsi está bem espalhada por diversas mídias sociais, sem mencionar algumas presenças menores e segmentadas por países e diferentes produtos.

Levando em consideração as 3 principais ferramentas de interação – Google+Facebook e Twitter – como utilizá-los simultaneamente sem tornar-se repetitivo?

 

Presença da Pepsi no Twitter, Facebook e Google+

Essa pergunta é complexa, mas normal. Uma das coisas mais comuns de se ver é pequenas e médias empresas querendo investir em “novas mídias”, criando perfis em todos os canais, porém utilizam o mesmo conteúdo, com as mesmas informações. Ok, então isto é errado, mas o que eu devo fazer?

Você deve pensar no seu objetivo de comunicação. O que você quer com este investimento em redes sociais? Divulgar, conversar, atrair, relacionar, todas as alternativas? Você deve ter isso muito bem definido, caso contrário, poderá desperdiçar o seu tempo.

Não existe uma regra de como deve ser a comunicação em cada ferramenta, a não ser, é claro, as limitações técnicas. NoTwitter você tem os 140 caracteres, no Facebook você precisar ter bom Edge Rank e no Google+ você precisa estar no “círculo certo”. Agora você deve estar querendo que eu responda: “Ok, mas afinal como eu tenho que me comunicar?”

Calma, não é algo simples. A primeira coisa que tenho para lhe dizer é que apenas replicar conteúdos não vai resolver os seus problemas. Você pode, sem problema algum, postar algumas mensagens/conteúdos em todas as redes sociais, já que em muitas vezes você vai atingir públicos diferentes, mas procure ser original no resto.

Definir como você vai se comunicar em cada um dos canais vai ajudá-lo a interagir com os seus consumidores, podendo integrar os serviços e interagir com uma mesma pessoa de diferentes formas e em diferentes plataformas.

Pegue a nossa presença como exemplo. Postamos links do blog em ambas as ferramentas, tanto TwitterFacebook e Google+, mas a diferença está no resto da comunicação. Enquanto no Twitter publico dicas e opiniões, em nossa fan page trazemos discussões e compartilhamos links de outros blogs. Já em nossa página no Google+, bom, essa ainda não está bem definida e por enquanto é usada quase que de forma experimental.

 

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail