Tudo que Rolou no 1º dia do Google I/O 2012: A Conferência Anual do Google

Hoje ocorreu o Google I/O 2012, a Conferência Anual do Google para os desenvolvedores. Acompanhei tudo ao vivo pelo Portal Olhar Digital. E se você não teve a oportunidade de assistir, então deixo aqui um resumo de tudo que rolou no Google 2012, com as minhas observações.

A conferência começou com o tema da vez, alvo de alguns boatos, principalmente depois do monumento de balas de goma na sede do Google, o Jelly Bean, que é a nova versão do sistema Android. Foram várias as novidades mostradas, dentre elas estão: interface mais rápida e com maior sensibilidade ao toque, redimensionamento automático de um widget muito grande, o sistema de reconhecimento de voz funcionará off-line, terá suporte ao braile e ainda será possível utilizá-lo através de gestos especiais combinado com alertas de áudio, entre outros. Foram várias as atualizações, todas focadas em facilitar a vida dos usuários em suas tarefas diárias. O novo sistema operacional estará disponível no meio de julho para Galaxy Nexus e Moto Xoom.

Depois do Jelly Bean, foi a vez do Google Play, a loja online de aplicativos do Google. Para os usuários, as duas grandes novidades estão na área cinematográfica e televisiva. Será possível comprar filmes, e não somente alugar, para ver quando, onde e quantas vezes quiser. Mas não pára por aí, pois a TV chegou na área! Quem adora as séries americanas, vai gostar de saber que com uma simples busca no Google Play, será possível achar diversos episódios dos mais variados seriados e assistir quando quiser. (Particularmente, amei isso, pois sou viciada em séries, rsrs)

Já para os programadores, o Google anunciou que está implementando uma nova criptografia em aplicativos para Jelly Bean, com a intenção de proteger os apps criados pelos desenvolvedores. E, além disto, terá o Google Cloud Messaging, que será gratuito e sem limitações para todos os programadores.

 

Finalmente, chegou o Tablet do Google

E agora chegou a vez do Tablet Nexus, que já era aguardado por muitos. No início da apresentação foram mostrados alguns detalhes técnicos como:

  • Tela de7 polegadas;
  • Resolução de 1280×800;
  • Processador Tegra 3 quad-core e placa gráfica 12-core;
  • Conexão Wi-Fi, Bluetooth, chip NFC;
  • Bateria com duração de até 9 horas de vídeo em alta definição;
  • Peso de340 gramas;

E como todos já devem imaginar, a integração é completa com os produtos do Google. Foi produzido para o Google Play, suporta Jeally Bean e terá o Google Chrome como navegador padrão.

Tiveram apresentações para os gamers, com jogo em 3D, mostrando algumas funcionalidades e também mostraram as novidades com o Google Maps na qual o aplicativo permitirá salvar os dados de visualização dos locais para que o usuário possa visualizar sem conexão com a Internet. Mas o que mais chamou a minha atenção foi a otimização para a leitura.

Para exemplificar como ficará a leitura no tablet, foi feita a demonstração com revistas. Será possível fazer uma seleção de revistas como se você estivesse, por exemplo, em uma sala de espera com diversas revistas em mãos, mas claro que de forma mais prática, apenas passando o dedo na tela. Ao escolher a revista, o usuário poderá clicar nas manchetes de capa e ir direto para a matéria, além disto, terá uma visualização, na parte inferior, de todas as páginas da revista, então é só navegar pelos quadros e clicar no artigo que mais lhe interessa. E a leitura será realizada da mesma forma que na revista, virando as páginas, podendo retornar e avançar a  hora que quiser.

E agora você deve estar se perguntado quanto custará tudo isso. Será apenas US$ 199.

 

Nexus Q: Ouvir música em casa será mais divertido

Ainda não acabou, pois o Google também anunciou mais um produto, o Nexus Q, que é um aparelho Android com integração aos speakers e TV.

O Nexus Q é um produto para uso pessoal, conectado à nuvem, com NFC, Bluetooth e banda dupla Wi-fi. Mas o que isso faz? Qual a utilidade? Imagina que você está ouvindo música em casa com o seu Nexus Q ligado e chegam dois amigos. Os seus amigos poderão adicionar músicas na playlist e colocá-las para tocar a hora que quiserem, através das suas listas de música do Google Play, direto do Nexus 7.

Também é possível adicionar vídeos e assistir de onde parou, por exemplo, se você estava ontem assistindo um filme, mas teve que pausar, pois o sono chegou. Então, no dia seguinte, você resolve terminar de ver o vídeo na casa da sua namorada, é só levar o Nexus Q pra a casa da namorada e continuar assistindo de onde parou, e agora de uma forma melhor, pois estará acompanhado. 😛

E o Nexus Q custará apenas US$ 299.

 

Google + Events

Com certeza eles não deixariam de falar da aposta do Google nas redes sociais, o Google +. Alguns números foram anunciados: 250 milhões de pessoas migraram para o Google+ em um ano e 50% dos usuários entram na rede social diariamente.

Realmente os valores são impressionantes, mas vale lembrar que qualquer pessoa que tem o serviço de e-mail do Google, o Gmail, automaticamente, tem um perfil no Google Plus, e isso aumenta bastante a quantidade de usuários. Mas eles mostraram que 50% dos usuários são ativos, e isso é um bom avanço para a rede social, pois não será fácil ultrapassar o engajamento do Facebook.

Mas vamos ao que interessa, ou seja, a novidade que foi apresentada, o Google Plus Events. O Facebook possui a criação de eventos há anos, que é bastante usada, cá entre nós, às vezes usada demais. Então, o que há de novo nisso? Já que é uma facilidade que já existe, então foi preciso trazer coisas novas e, em meu ponto de vista, o Google acertou mais uma vez.

Ao criar um evento no Goole Plus, tudo parece ser como em outras redes sociais, você coloca nome, seleciona localidade, convida os amigos, coloca o horário e pode colocar uma imagem. As diferenças começam na imagem, que ao contrário do Facebook, tem uma área maior (um retângulo no topo ao invés de um quadrado pequeno na esquerda) e há disponível diversas imagens personalizadas para a escolha do usuário. Até aí nada demais, apesar de ser algo que o Facebook não oferece, mas começa a melhorar.

Quando a pessoa recebe o convite do evento, a data é integrada com o Goole Calendar, então é possível visualizar se já existe algo marcado para aquela data e horário. Caso não tenha e o usuário confirma a presença, já vira um compromisso no Google Calendar.

Durante e depois do evento

Durante o evento, é possível que os convidados postem fotos do mesmo no mural, que vai sendo atualizado ontime. E caso você queira visualizar as imagens postadas em formato de slideshow, é só clicar no botão específico e visualizar todas as fotos postadas em formato de slides.

Após o término do evento, todas as imagens que foram postadas são organizadas em ordem cronológica, todas em um mesmo local, e com informações de quem as postou. E se o usuário quiser visualizar as fotos postadas por apenas uma pessoa, é só clicar na imagem da pessoa, que fica na lateral direita. Bom, o Facebook ainda não faz isso.

 

 Por fim, Project Glass

Para finalizar a conferência, foi realizada a apresentação do Google Project Glass.

O Project Glass é um óculos, que pode ser usado diariamente, com intuito de capturar os momentos da sua vida, seja através de fotos ou vídeos. Tudo que você vê pode se tornar uma imagem estática ou um vídeo.

O display fica acima dos olhos para não bloquear a visão e com um simples toque as imagens são registradas. As imagens e vídeos poderão ser disponibilizadas no perfil do usuário no Google Plus.

Logo no início da apresentação do Projetc Glass, um grupo de paraquedistas estava dentro de um avião, todos usando os óculos. E se comunicavam, ao vivo, com o executivo do Google que estava realizando a palestra no momento. Todos saltaram e foi possível acompanhar, em tempo real, a visão de cada um ao saltar do avião, uma experiência emocionante.

Bom, foi isso que rolou na Conferência Anual do Google para desenvolvedores. Gostaram das novidades? Será que o Google acertou em tudo? Deixem as suas opiniões!

PUBLICADO POR

Natália Alves

formada em Jornalismo e Publicidade e Propaganda. Trabalho na área de Mídia Online, especificamente com Performance. Amo o que eu faço e sou viciada em Netflix, uhuahuahuahuah.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail