QR Codes: uma ponte entre o offline e o online

Ninguém duvida que estamos mais conectados. Seja sentado em frente ao PC, com um tablet em um evento ou com smartphone com 3G, a Internet está a cada dia mais presente. Porém, há algumas tecnologias que ajudam a criar uma ponte entre o mundo online e o offline de forma muito simples.

O QR Code (QR significa Quick Response), por exemplo, nem é uma tecnologia tão nova assim, pois desde 1997 já existem indícios de padronizações desta tecnologia, mas ele ajuda a estabelecer esta conexão. Em linhas gerais, o QR Code é um código de barras 2D que permite o armazenamento de centenas de caracteres ou bytes, facilitando o armazenamento de informações em um pequeno espaço.

Para quem não conhece, um QR Code é representado (de acordo com seu conteúdo) assim:

QR Code

O que ele pode ter a ver com o seu negócio?

Uma das funcionalidades do QR Code, que pode ser utilizada na comunicação das empresas, é o fato dele poder armazenar links e textos. Assim, é possível criar um QR Code com um link do seu site ou Facebook, por exemplo, e colocá-lo na parede do seu bar, restaurante, salão de beleza ou em qualquer tipo de estabelecimento físico.

É aí que a ponte entre o seu negócio offline e o mundo online se estabelece. Pois, basta que o cliente tenha um leitor de QR Codes para que ele possa cair direto no seu link.      Obviamente, ele precisa ter acesso à Internet em seu celular, algo que você também pode fornecer, criando uma rede wi-fi.

#comofaz?

Há várias ferramentas que permitem a criação de QR Codes de forma muito simples. Uma das mais legais e bonitas é o SpotLike, que cria um código para a sua página no Facebook. Com alguns cliques é possível criar um cartaz com um código e uma mensagem para os seus clientes rapidamente.

Porém, se você não tem uma página no Facebook ou quer divulgar outra coisa, basta usar o Kaywa. Com esta ferramenta você cria um QR Code com um link, texto, número de telefone ou um SMS. Ambas as ferramentas são muito legais e criam algo simples, mas efetivo para divulgar a empresa onde seus consumidores estão.

Depois de criar, você precisa imprimir o código e colar em lugares estratégicos. Algumas sugestões são: mesas se você tem um restaurante, caixa, área de fumantes, recepção e outros lugares onde as pessoas ficam paradas aguardando pela prestação do serviço. Apesar de ser tão 1400, impressões ainda são importantes.

Outras formas de uso

Por ser fácil de fazer e oferecer uma informação direcionada, os QR Codes estão sendo usados de muitas formas. Uma das mais originais foi a utilização de QR Codes nas páginas do excelente livro “Marketing na Era Digital”, da Martha Gabriel. Em páginas em que a autora cita vídeos e links, o leitor encontra QR Codes que permitem o acesso, na hora, aos exemplos citados no livro. Genial! Além disso, há quem use QR Codes em cartões de visita, museus e muito mais.

Fonte: Novatec

Apesar de não serem esteticamente bonitos, os QR Codes podem desempenhar um papel muito importante em estratégias de comunicação. Pois com eles, você direciona o consumidor exatamente para algo que você quer que eles vejam. Assim, usando uma mídia não invasiva cria-se uma ponte entre suas estratégias offline e online.

Além do QR Code, há a Microsoft Tag, que desempenha papel praticamente idêntico. Porém, este assunto “rende” e será tratado no próximo post. Até lá!

PUBLICADO POR

Camila Porto de Camargo

Formada em Comunicação Institucional na UTFPR. Trabalhei durante 2 anos no site Baixaki Tecnologia e hoje presto serviços de produção de conteúdo e consultoria na área de comunicação na Internet, consultoria em redes sociais e ministro o Curso de Facebook para Empresas.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail