O seu conteúdo quem “faz” é você!

Vemos diariamente pessoas reclamando da qualidade do conteúdo publicado nas redes sociais, porém muitos usuários mal param para analisar que o conteúdo que é apresentado a ele foi escolhido por ele mesmo, ou melhor, ele deixou ele assim.

Hoje temos a opção de assinatura tanto de amigos quanto de páginas no Facebook, no Twitter somos nós que selecionamos os perfis que vamos seguir, além de podermos criar listas de perfis para melhor controle de conteúdo, ou seja, podemos “criartimelines especificas. No Google+ circulamos quem queremos e ainda temos a opção de controlar a frequência de mensagens em que cada círculo aparece na página inicial.

Será que as pessoas esquecem que o conteúdo consumido na internet por cada usuário é de escolha pessoal, na internet “quase nada” é imposto, pois através dela temos a liberdade de escolha e isto é o que torna a internet diferente dos outros meios de informação.

Reclamar do conteúdo publicado não irá mudar o que você está recebendo, porém aprender a selecionar melhor aqueles perfis que você irá receber as atualizações não depende de ninguém além da sua boa vontade. Aprenda a utilizar os recursos disponíveis e “crie” um ambiente que lhe agrade.

Se não gostou, você sempre pode ocultar as publicações.

Se não gostou, você sempre pode ocultar as publicações.

Não gosta dos conteúdos que aparecem em sua timelines

A partir do momento que você adiciona perfis nas redes sociais, diversas informações publicadas por elas passam a ser apresentadas para você, porém muitos destes conteúdos nem sempre lhe agradam, por este motivo você pode tomar atitudes “simples”, e estas atitudes passam a lhe trazer conteúdos muito melhores e com foco muito maior naquilo que você busca dentro das redes sociais que participa.

Crie Listas no Twitter, oculte publicações que não gosta no Facebook e circule apenas o que você gosta no Google+!

Como a maioria das pessoas já sabem, no Twitter existe a possibilidade de criar listas para que possamos desta forma organizar melhor o conteúdo que recebemos, com isto você foca muito mais o conteúdo que irá aparecer em sua timeline, porém a maioria dos usuários não utilizam este recurso acarretando em diversas publicações “desnecessárias”. Outra alternativa simples que podemos tomar é realizar uma “limpa” nos perfis que seguimos de vez em quando, com isto você irá diminuir gradativamente a quantidade de perfis que não lhe agregam nada e desta forma não terá que reclamar o quanto não gosta das mensagens que aparecem em seu Twitter.

O Facebook vem alterando frequentemente algumas configurações tanto de paginas, permissões, compartilhamento e por ai vai, porém nem sempre as pessoas utilizam os recursos disponíveis. No Facebook temos a possibilidade de ocultar as publicações dos perfis que não nos agrada, este recurso é bem útil para muitas pessoas, pois algumas vezes você pode não gostar do conteúdo publicado pelo perfil X ou Y, porém este mesmo perfil que não lhe agrada pode gostar das suas publicações, com esta opção você pode simplesmente ocultar de sua timline as publicações deste perfil e ele ainda irá continuar a visualizar todas as suas publicações. Além disto, é importante lembrar que dentro do Facebook já há o sistema de “listas” muito semelhante ao que temos no Twitter, podendo dividir os seus amigos e páginas em grupos e desta forma acompanhar de forma mais organizada tudo que aparece em sua página inicial.

Paginas no Facebook, este para mim é um recurso muito pouco utilizado e que traz diversos “benefícios”, eu frequentemente curto paginas no Facebook desde que tragam conteúdos relevantes e focados em temas que eu gosto, desta forma minha timline é “coberta” de conteúdos de meu interesse com informações interessantes e muitas vezes de pessoas especialistas em temas específicos.

O Google+ é uma rede social mais recente, e através do seu sistema de círculos procura facilitar a vida de quem tem costume de seguir muitas pessoas nas outras redes sociais. Dessa forma fica mais fácil controlar o quanto cada grupo de pessoas aparece em sua página inicial.

Deixo aqui algumas perguntas para refletir:

  • Se o conteúdo de sua timeline quem controla é você, por que você reclama das publicações em vez de tomar atitudes “simples” que irão lhe trazer conteúdos muito mais focados em seus interesses?
  • Você reclama do conteúdo publicado nas redes sociais e diz que as mesmas são percas de tempo, porém se você está “perdendo tempo” com conteúdos desnecessários não é por que você está fazendo as escolhas erradas nas redes sociais?
  • Dizer que as redes sociais não lhe agregam informações relevantes não é jogar a culpa em um terceiro por escolhas pessoais?

Como dito no inicio do artigo: […] o conteúdo consumido na internet por cada usuário é de escolha pessoal […], faça suas escolhas e torne delas um aliado para agregar em sua vida profissional e pessoal, perder tempo nas redes sociais é relativo, tudo depende de como você gerencia o conteúdo que recebe e/ou deseja receber.

Abraço e até a próxima.

PUBLICADO POR

Thiago Batista

Estudante de Gestão de Tecnologia da Informação através da Unisul virtual de SC. Trabalha na WRA Gestão em TI de Maringá. Amante de Tecnologia e um Eterno Aprendiz.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail