Sérgio Valente fala sobre a convergência da comunicação. #cpbr6

O painel do palco Galileu nesta manhã trouxe um bate papo entre Bob Wollheim, fundador do Sixpix Content, e Sérgio Valente, que já trabalhou a frente da DM9 e é considerado um dos “10 mais influentes publicitários brasileiros“. A conversa girou principalmente em torno da relação entre TV, como uma mídia tradicional de grande influência no país, com as mídias e meios digitais que mudam a forma como consumimos conteúdo. A discussão tomou este lado principalmente pelo fato de Sérgio estar deixando o mundo de agências para ir trabalhar na Rede Globo.

Possivelmente a frase mais marcante e mais martelada seja de que as ferramentas não são fundamentais, mas sim a mensagem. Um “publicitário digital” só será bom se ele for um bom publicitário. Discordando um pouco de McLuhan, que dizia que o meio é a mensagem.

Sérgio Valente no bate-papo com Bob Wollheim

Sérgio Valente (à direita) no bate-papo com Bob Wollheim

Sérgio defende a idéia de que a internet já é como o ar, a gente não questiona ou pensa sobre ela, nós apenas respiramos. Para ele há uma enorme diferença entre o Youtube e a televisão. Quando você assiste um ou outro, tem expectativas diferentes e formas diferentes de consumir, no Youtube você consome de forma ativa, enquanto na televisão é de forma passiva, você apenas liga e quer que ela decida o que você vai ver. É uma discussão complicada que eu pessoalmente acredito ser mais complexa do que apenas dividir o espectador em ativo e passivo.

A conclusão que foi possível tirar com este bate-papo foi também a frase mais emblemática da conversa: “Fazer propaganda já foi mais fácil!

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail