5 dicas para você usar melhor o Google+ para a sua empresa

Apesar de pouco expressivo no Brasil, o Google+ é uma importante ferramenta para empresas que estão levando as mídias sociais a sério. Segundo uma pesquisa recente da eMarketer, o Google+ está atrás do Facebook, Youtube e Badoo em número de visitantes no país.

A aposta do Google em redes sociais depois do fracasso do Orkut (pelo menos a nível mundial) e do Google Buzz parece estar dando certo, já que em pouco tempo se tornou uma das principais redes sociais do mundo, é claro que ele contou com uma boa ajuda dos anúncios e da integração forçada dos serviços Google com ele. Hoje o Google+ está integrado com praticamente todos os serviços do Google, desde as buscas até o Gmail.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=ozxfUtgySlo /]

Mas apesar de ainda buscar um espaço no gosto dos usuários brasileiros, não podemos esquecer dos vários outros benefícios que o cadastro dentro da rede social pode trazer.

#1 – Integração com os Serviços Google

Enquanto o Google+ ainda não chega nem perto da popularidade do Facebook no Brasil, ela ao menos oferece uma boa integração com os serviços do Google. No caso das páginas de empresas/marcas, o melhor benefício parece ser a melhora nos resultados de busca e maior controle sobre o seu local no Google Maps.

Quando alguém busca por sua empresa no Google, caso você tenha uma página no Google+, ela irá aparecer no topo ao lado dos resultados da busca, como mostra a imagem abaixo. Isso da uma visibilidade maior para sua marca, uma vez que o resultado irá mostrar o seu logo, nome e a sua última postagem.

pepsi-google-plus-paginas

O Google+ Locais (resposta ao Foursquare) agora é integrado com o Google Maps e é muito importante nas estratégias de localização da sua empresa. Empresas que trabalham com serviço local, como restaurantes e tele-entrega de lanches deve investir no Google+ para incentivar o número de avaliações e se posicionar bem dentro de pesquisas locais.

Você também pode integrar o Youtube ao Google+, dessa uma aba “Youtube” irá surgir em sua página, mostrando todos os vídeos que estão no canal da marca.

dell-youtube-google-page

#2 – Conteúdo exclusivo para o Google+

O público está ficando diluído entre diversas redes sociais. Se antes a sua empresa se preocupava em usar Twitter e/ou Facebook, hoje temos o Facebook, Twitter, Google+, Instagram, Ask.FM e algumas outras menores. O resultado disso é que muitas empresas acabam distribuindo o mesmo conteúdo através de diversas redes sociais. Se a pessoa segue você em uma, não verá nenhuma vantagem em lhe seguir na outra.

Por isto que o ideal é conseguir trazer conteúdo exclusivo para cada plataforma que você participa. É claro que pode haver uma integração entre elas, como promover o seu Instragram na sua página do Facebook, mas você deve tomar cuidado para a sua página do Facebook (ou Google+) não ser feita apenas de conteúdo de outra rede social.

Você lembra da diferença entre CrossMedia e TransMedia? Nas redes sociais acontece o mesmo. Devemos fazer com que os serviços utilizados se complementem, não apenas sejam repetições um do outro.

A forma como o conteúdo é distribuído também deve ser levado em conta. A forma de escrever no Google+ e no Facebook talvez seja diferentes. Isto fica mais claro no caso do Twitter, onde você tem apenas 140 caracteres. Será que você consegue transmitir a mesma mensagem de diferentes formas?

Uma forma de interação quase única do Google+ é a possibilidade de utilizar GIFs que funcionam como pequenos vídeos, chamando muito mais atenção a sua publicação. Você pode usar serviços como o Giphy ou crie os seus próprios GIFs animados.

#3 – Participe das comunidades

Na minha opinião, as comunidades do Google+ foram uma das melhores sacadas do Google em relação a sua rede social. Apesar de o Facebook oferecer os grupos, que tem a função básica de reunir as pessoas com interesse em comum, o Google+ trouxe uma nova forma de utilizar as famosas comunidades do Orkut, que ainda são o motivo de muita gente estar por lá.

bem-vindo-comunidade-google-plus

Vejo muita gente que não usa o Google+ (não atualiza o seu perfil), mas participa ativamente das comunidades que tem por lá. Além de as comunidades do Google+ serem mais organizadas que os grupos do Facebook, já que nas comunidades você consegue criar “Tópicos”, para filtrar as postagens, outra grande vantagem destas comunidades é a possibilidade da participação das páginas. As fan pages do Facebook não podem criar ou participar dos grupos, mas as páginas do Google+ podem usar as comunidades.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=M98BzV8ZBpw /]

Para as empresas, isso é uma possibilidade de interação que acaba se tornando fundamental. Mais que compartilhar conteúdo em sua própria página, no Google+ você pode participar ativamente das comunidades que são interessantes para a sua empresa. Vende bicicletas? Que tal participar de uma comunidade de ciclistas?

Para participar das comunidades, preste atenção nessas dicas:

  • Seja sincero. Você está ali para participar, não para fazer auto promoção;
  • Aprenda a interagir com todos. Não fique apenas publicando conteúdo, mas comente nas publicações de outras pessoas também;
  • Use o +1. Seja para dizer que você gostou ou concordou com algo, mas também para incentivar as pessoas a fazerem o mesmo;

#4 – Anuncie o seu conteúdo e integre a página com os seus anúncios no AdWords

Outra funcionalidade do Google+ é integrá-lo com os anúncios do AdWords. Através das “extensões sociais” dentro do Google AdWords, você consegue colocar um link para a sua página no Google+ dentro do anúncio, como mostra a imagem abaixo – a parte onde aparece quando seguidores você tem, é um link para a página.

google-plus-adwords-integracao-extensoes-sociais

Recentemente outro recurso relacionado a publicidade começou a ser testado para as páginas do Google+, é a possibilidade de criar anúncios a partir de uma publicação na página. Semelhante ao “Promover” do Facebook, mas com a diferença de que o anúncio aparece fora da rede social e não dentro dela.

Um anúncio com a publicação irá aparecer em todos espaços onde há rede de display (anúncios gráficos do AdWords), ao clicar, esse anúncio abre um popup com a publicação e por ali a pessoa consegue interagir com +1 e comentários. Segundo o Google, é uma forma de aumentar o público que você atinge.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=4yCUgx7H2zo /]

#5 – Utilize os Hangouts

Um dos maiores diferenciais das páginas do Google+ em relação as fan pages do Facebook é a possibilidade de criar Hangouts. Para quem não conhece, o Hangouts é como se fosse uma videochamada através da página. A página pode usar esse recurso para fazer apresentações, conversar com os seus fãs ou qualquer coisa que você possa imaginar.

Geralmente as páginas de redes sociais de grandes empresas são gerenciadas por agências, o que pode dificultar a organização de um Hangout com os fãs. No caso de pequenas empresas, onde os donos daquela empresa gerenciar a sua própria página, essa logística pode ser um pouco mais fácil. Se você é de alguma agência que atende um cliente dentro do Google+, organizar periodicamente um Hangout com a empresa pode dar trabalho, mas ser muito valioso.

Cada negócio poderá usar essa ferramenta de uma forma diferente. Uma pequena empresa pode usar para conversar com os seus fãs sobre algum assunto em comum. Uma pizzaria, por exemplo, pode fazer um Hangout sobre como é feita a sua pizza enquanto uma empresa grande pode trazer o responsável de algum setor para esclarecer dúvidas sobre aquilo ao vivo.

As possibilidades são infinitas, tudo que você precisa é de uma câmera e criatividade.

PUBLICADO POR

Dennis Altermann

Fundador-Editor aqui no blog Midiatismo, trabalhando com marketing digital na DuPont Pioneer do Brasil. Entusiasta e estudioso nas áreas de comunicação, cultura, comportamento e tecnologias digitais.

Novidades e atualizações, direto em seu e-mail

  • Luciano Henriques da Costa

    Ainda há muitas pessoas que não exploraram os potenciais de algumas redes sociais para melhor otimizar o Marketing Digital de suas empresas, negócios ou serviços. Com esta sua dica, muitos empreendedores poderam exlporar melhor o Google Places (locais) por exemplo e integrá-los em suas páginas do Google+. Além de atentarem na observação que você fez em relação as comunidades, que podem obter interação através do perfil de páginas Google+.

    Excelente artigo Dennis, meus parabéns!